Anuncio!


Uma comissão de vereadores de São Paulo do Potengi visitou na manhã desta quarta-feira (13) a presidência da Assembleia, para fazer a entrega de um relatório contrário à medida de ampliação da Delegacia de Polícia (DP), da cidade. 

O presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), ao lado da deputada Márcia Maia (PSDB), recebeu a comissão de vereadores que externou o receio de que a unidade termine sendo transformada em um presídio. 

“O apoio desta Casa Legislativa está assegurado aos vereadores e comunidades de São Paulo do Potengi. Mas é preciso entender que vivemos uma crise no sistema de segurança e carcerário. Benfeitorias não podem deixar de acontecer. 

Ninguém quer um presídio por perto, mas os municípios precisam abrigar com dignidade seus presos”, salientou o presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), defendendo medidas urgentes por parte do governo nas área de segurança e penitenciária. 

Segundo o vereador Allysson Lindálrio Marques Guedes, relator da comissão especial, que visitou a Assembleia, a Delegacia de Polícia do munícipio tem vaga para 12 presos mas abriga 62, tendo somente um agente penitenciário para fazer a guarda dos detentos. 

“A informação que chega é que a reforma irá transformar a DP de 12 vagas para 80 vagas. Se a construção for feita logo teremos mais de 300 presos colocados numa área urbana, com vizinhança de escola, unidade do Sesc e de um Centro de Treinamento Agricultura Familiar”, destaca o vereador. A deputada Márcia Maia (PSDB) também participou da reunião com a comissão especial de vereadores de São Paulo do Potengi. 

Reforçou que defende a construção de novos presídios mas que no caso de São Paulo do Potengi há o problema da localização inadequada. “Na sessão plenária de terça-feira tratei do tema e hoje (quarta-feira) retorno ao assunto e sugiro uma comissão desta Casa para mediar uma solução para a situação de São Paulo do Potengi”, disse a deputada. 

Estiveram presentes na reunião com o presidente da Assembleia os vereadores Allysson Lindálrio Marques Guedes, Erivan Alves de Farias, Francisco de Assis Araújo, Luis Marques Filho, Eros Galvíncio e Marli Dias.


Postar um comentário