Anuncio!

                      pokemo

A informação vem da Paraíba, estado onde o PROCON estuda entrar com um pedido de proibição para que o aplicativo deixe de funcionar aqui no Brasil. De acordo com um jornal local, esse pedido tem como motivação a preocupação com a população e o potencial risco que o game proporciona para os jogadores.
Em entrevista para o Jornal da Paraíba, o secretário adjunto do órgão, Tárcio Nóbrega, declarou o seguinte: “Estamos preocupados com os efeitos negativos do jogo. Vêm acontecendo mortes, assaltos, acidentes, então queremos estudar isso para conscientizar as pessoas. Ainda não temos uma ação concreta definida. O Procon se preocupa com a segurança, saúde e proteção do consumidor.”

Postar um comentário