Anuncio!


sireneO homem apontado pela Polícia Civil como mandante do assassinato de um professor na cidade de São Francisco, Sertão paraibano, a 430 km de João Pessoa, morreu em um hospital no Rio Grande do Norte, no início da tarde do último sábado (13). O crime que vitimou o professor aconteceu na madrugada do mesmo dia.
Segundo o delegado Sylvio Rabello, o suspeito teria cometido suicídio com um tiro na cabeça. Ele morava na cidade de José da Penha e chegou a ser socorrido para uma unidade de saúde em Pau dos Ferros, mas não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil acredita que não tenha sido ele o executor do assassinato do professor e, por isso, continuará investigando o caso.

Postar um comentário