Anuncio!

 

Faleceu em Natal/RN aos 72 anos de idade, a professora Wilma Maria de Faria, a primeira Governadora do RN, Conhecida como "guerreira", Wilma era natural de Mossoró, mas radicadou-se na cidade de Natal/RN. Iniciou a sua carreira política no final dos anos 70, quando ocupava um cargo no governo do então marido Lavoisier Maia.

Nas eleições de 1986, foi eleita a primeira deputada federal do Rio Grande do Norte, cargo de ocupou de 1987 a 1988. Nas eleições municipais de 1988, Wilma volta a mostrar o seu pioneirismo ao ser eleita a primeira prefeita da cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte. Em 1996 foi novamente eleita prefeita da capital potiguar, sendo reeleita nas eleições de 2000. No ano de 2002, Wilma disputou o governo do Estado sendo eleita como a primeira governadora do Rio Grande do Norte. Reelegeu-se em 2006, cargo que ocupou até março de 2010, quando renunciou ao governo para disputar uma vaga no Senado Federal. Wilma foi candidata a senadora do RN nas eleições gerais de 2010 e 2014, mas em nenhuma delas obteve êxito.

No ano de 2012 foi eleita vice-prefeita de Natal na chapa encabeçada pelo prefeito Carlos Eduardo Alves, para o mandato 2013-2016. Nas eleições municipais de 2016, foi eleita vereadora de Natal 4,421 votos, cargo que ocupou até a data de seu falecimento. Dentre os partidos em que militou destacam-se o PDT(Partido Democrático Trabalhista), o PSB(Partido Social Brasileiro) e o PT do B(Partido Trabalhista do Brasil, atual "Avante").

Aos 72 anos, Wilma perde a batalha para o câncer que mudou o rumo de sua história há dois anos. Deixa 4 filhos: a deputada estadual Márcia Maia, Ana Cristina, Cíntia e Lauro. E 13 netos.Wilma estava bem em casa até o final de semana passado. Na sexta-feira, dentro das limitações do seu quadro de saúde, conversou com os netos sobre o Brasil, a economia, a política, sempre muito lúcida. Mas no sábado à noite voltou para o hospital. Morreu nesta madrugada em um apartamento do São Lucas transformado em UTI.


Postar um comentário