Anuncio!

       

 O Independiente é o campeão da Copa Sul-Americana. Diante de um Maracanã lotado, os argentinos mostraram um bom futebol e conseguiram o empate em 1 a 1, gols de Lucas Paquetá e Barco.
Como venceu o primeiro jogo por 2 a 1 na Argentina, o Rei de Copas levou mais uma pra casa.

Flamengo x Indepiendente
PRIMEIRO TEMPO
Com o estádio inteiro vibrando e fervendo de emoção, o Flamengo começou com tudo e pressionando o Independiente no seu campo de defesa. A primeira etapa não teve muitas oportunidades para os dois lados e o time de Avellaneda retardava o jogo, principalmente com o goleiro Campanã, nos tiros de meta.
O time de Reinaldo Rueda manteve a cabeça no lugar e teve uma boa chance com Everton, que acabou batendo em cima do goleiro. Aos 29, Juan desviou cruzamento, Réver bateu pra dentro e Paquetá empurrou para as redes. Com este resultado, a partida iria para a prorrogação.
Pouco antes do intervalo, aos 39, o árbitro colombiano Wilmar Roldán deu pênalti de Cuéllar em Meza e para ter certeza ainda consultou o árbitro de vídeo. Na cobrança, o jovem Barco, de 18 anos, igualou e deixou o Rojo novamente em vantagem.

SEGUNDO TEMPO
No segundo tempo, o Flamengo começou em cima, buscando um gol que pelo menos levasse a disputa para a prorrogação. Lucas Paquetá, o melhor do Fla em campo, quase marcou logo no início, após grande jogada individual.
Precisando do resultado, Rueda chamou Vinicius Junior e tirou Trauco. Everton foi para a lateral-esquerda. O resultado foi pouco efetivo. O Independiente tocou a bola e teve boas oportunidades. Numa delas, Juan salvou em cima da linha.
Rueda ainda tentou com Éverton Ribeiro e Lincoln, mas já era tarde. Empate frustrante e mais um vice-campeonato para o Independiente no Maracanã.

Postar um comentário