O roteiro não poderia ser diferente. César entrou e virou o herói. Quando ninguém esperava, o goleiro garantiu a vitória por 2 a 0 sobre o Junior de Barranquilla e está na final da Copa Sul-Americana. Felipe VIzeu também foi iluminado e marcou duas vezes.