Operação BOLDNESS prende suspeitos de diversos assassinatos em São Paulo do Potengi


Nas primeiras horas da manhã de hoje, Policiais civis da 1° Regional de São Paulo do Potengi (com apoio das Delegacias Municipais de Lajes, Bom Jesus, Santa Maria, São Tomé e Riachuelo) juntamente com apoio da Polícia Militar de São Paulo do Potengi, Eloi de Souza, Serra Caiada, São Tomé e o GTO de João Câmara, deram início a operação BOLDNESS, com o objetivo de cumprir cinco mandados de prisão temporária e oito de busca domiciliar, com o escopo de desarticular uma associação criminosa que vem agindo na região Potengi na prática de homicidios (consumados e tentados). Os presos são investigados pela prática de seis homicídios, dentre os quais o do Agente Penitênciario DAVID MAX SILVA RAMOS, ocorrido em maio deste ano, quando foi alvejado covardemente por mais de quinze tiros. Os suspeitos ainda são investigados pelos homicídios consumados de FRANCISCO MONEILSON DANTAS COELHO, ocorrido em 12/11/16; MÁRCIO CARLOS DE MEDEIROS, conhecido por DACIO, ocorrido em 03/12/16; FRANCISCO DE ASSIS GOMES DOS SANTOS, ocorrido em 22/12/16, além dos homicídios tentados de JOSÉ CARLOS DO NASCIMENTO, vulgo DUDE, ocorrido em 10/12/16 e WILLIAM JOSÉ DE LIMA, conhecido como Boro, ocorrido em 17/10/16, todos em São Paulo do Potengi. A esmagadora maioria dos homicídios estão relacionados com o tráfico de drogas na região. As investigações continuam.

Os presos:

1. RENATO DA SILVA MEDEIROS, vulgo RENATO MAGÃO - 26 anos.
2. JOSÉ ERICK DANTAS SALES, vulgo CARÁ - 29 anos.
3. ALISON COSME, vulgo ALISON DO ALAGADIÇO - 24 anos. 
4. DIEGO SALVIANO DA SILVA, vulgo DIEGO BOB - 25 anos.
5. VALDENILSON DA SILVA QUIRINO, vulgo LAMPIÃO - 21 anos.

Via spp notícias