PT rompeu aliança de 16 anos com Naldinho e foi para o "lado do verde" (MDB) em São Paulo do Potengi


 
Em jogada política controversa, o PT de São Paulo do Potengi, liderado pelo vereador João Cabral, decidiu romper uma aliança de 16 anos com o o grupo liderado pelo prefeito Naldinho, e foi para o "lado do verde".
No contexto da repercussão, que já é grande nas redes sociais, tanto de elogios quanto de críticas, não ficou claro o que teria motivado o PT a romper a aliança que já levava 16 anos, sendo três gestões Naldinho. 
O que mais chamou atenção de algumas fontes ligadas ao Partido dos Trabalhadores, foi que o grupo político de Pacelli, em 2018, nas eleições para governo, foi ferrenho crítico do PT e de Fátima Bezerra. Naquele ano, Carlos Eduardo, apoiado por Pacelli, venceu no primeiro turno em nosso município. Apenas no segundo turno, com o apoio de Naldinho, foi que Fátima Bezerra conseguiu vencer em São Paulo do Potengi. 
O apoio do PT ao "verde" ocorreu após João Cabral desistir da pré-candidatura a prefeito local, por ter somado apenas cerca de 3% das intenções dos votos. 
via Silvério Alves 
Teremos mais informações.